Sem dinheiro para começar seu negócio? Conheça a história da Daniele

A maior reclamação que as pessoas tem para não empreenderem é a falta de grana. Acham que é preciso ter muito dinheiro, adquirir uma franquia grande ou comprar uma loja toda equipada, a história de hoje mostra que não é bem assim.

A Daniele, uma pessoa comum como eu e você, usou a criatividade para montar um negócio simples, barato e altamente lucrativo. Com um produto de alta aceitação e muito fácil de vender, ela vem conquistando clientes em sua cidade e colecionando elogios de todos que provam seu produto.

Espero que o relato dela sirva de motivação para que você mesmo comece seu negócio o mais rápido possível, não dependendo mais de empresa, governo nem ninguém.

Veja como uma ideia simples pode se tornar uma grande negócio!

 

O que podemos aprender com o caso da Daniele?

Eu gosto muito de ver esse tipo de relato porque eles sempre trazem lições para a nossa vida, no caso da Daniele, tirei algumas lições que queria compartilhar com você, caso tenha tido outras idéias ou a história dela te impactou de alguma forma, deixe sua opinião nos comentários, assim vamos conversando e chegamos em conclusões cada vez melhores!

Não precisa de uma grande estrutura se o produto é bom

Como podemos ver, o negócio dela é muito simples, bastando uma bike e uma caixa de brigadeiros. Mas tem um ponto bem importante que faz toda a diferença: A qualidade do produto. Não adiantaria uma grande loja de doces, com diversos funcionários, se eles tiverem um gosto ruim, ou for mal apresentado.

Veja que todos os brigadeiros estão em caixinhas, são coloridos e agradáveis aos olhos, incentivando seu cliente a comer. Para trabalhar com doces gourmet, conta muito mais o método de apresentação e venda do que a estrutura em si.

Com uma simples bike, é possível ganhar dinheiro

Outro ponto bem interessante de se notar foi o investimento no negócio. Basicamente, bastou uma bicicleta que ela mesma estilizou, um avental com a sua marca e uma caixa de madeira para levar o brigadeiros. Tudo muito simples e caseiro, que certamente saiu muito barato em comparação a um food truck, por exemplo.

Além disso, ao acabar seu turno de trabalho ou se quiser mudar de local, basta fechar a caixa, subir na bicicleta e ir embora, tornando muito fácil a mobilidade para lugares com muito movimento, como eventos ou saídas de grandes lojas ou empresas.

Agora expandindo ou pouco a idéia dela, já pensou quantas coisas é possível vender com apenas uma bicicleta? Pode-se comercializar salgados, geladinhos, bolos no pote ou qualquer outro produto que você saiba fazer bem ou esteja disposto a aprender.

Estudar antes de fazer

Outra coisa que eu notei foi o fato dela dizer que estudou e tentou muito antes de começar, pois queria um produto de alta qualidade para vender pros seus clientes. Agora imagine a quantidade de tempo que ela perdeu buscando receitas, testando e quanto material foi fora dando para seus amigos provarem, como ela mesma disse “meus amigos ganharam muito brigadeiro de graça…”

É por isso que eu sempre recomendo que, ao começar um negócio, se faça um curso online com alguma pessoa que já tem sucesso na área e passou por todas essas etapas, te entregando um passo a passo simples que funciona.

No caso de brigadeiros gourmet, tem um excelente treinamento com uma das melhores empreendedoras do mercado, onde ela te ensina, de maneira prática e direto ao ponto, como ganhar mais de 5 mil mensais com Brigadeiros Gourmet.

Veja aqui todos os detalhes e comece seu negócio hoje mesmo!

Seja diferente

Notei também muitos falando que quiseram conhecer o produto só porque acharam a bicicleta diferente. Isso mostra a importância de nos destacarmos da concorrência, criando um diferencial. Ao ver uma bike toda estilizada, com uma pessoa de avental no meio da rua, certamente muitos vão ir conferir o que é, chegando lá, o produto praticamente se vende sozinho.

Esse tipo de propaganda é muito mais efetiva que qualquer placa ou anúncio porque, como foi a pessoa que correu atrás do seu produto, ela está muito mais propensa a consumir. Claro que depois desse contato inicial entra a habilidade do vendedor, que deve atender com simpatia e alegria cada uma das pessoas, focando em gerar um relacionamento.

Dessa forma, além delas voltarem, você ainda ganhar uma “propaganda boca a boca” que é de graça e de longe a mais efetiva.

Melhor feito que perfeito

Com certeza a Daniele não sabia se ia dar certo, não sabia se seu produto ia vender nem como vender, porém a diferença dela para a maioria das pessoas é que, mesmo com incertezas, decidiu começar.

Esse é de longe o passo mais importante, pois ficamos imaginando várias desculpas para não começar, achando que ninguém vai gostar, que não sabemos vender ou que não vai dar certo… E quem não começa nada tem como resultado… Nada!

Acredite em você mesmo, pesquise a forma de ganhar dinheiro que mais  te agrada e bora pra cima!

CLT hoje está se tornando um mal negócio

Não é de hoje que o trabalho de carteira assinada não me agrada. Ter horário fixo, ganhar a mesma coisa mesmo produzindo muito mais que aquele colega vagabundo e precisar de autorização de alguém que eu nem conheço para sair 30 minutos mais cedo deixavam essa forma de ganhar dinheiro bem desinteressante.

Mas hoje, além de todos esses problemas acima, ainda há excesso de mão de obra, principalmente em escritórios, devido aos milhares de formandos em áreas administrativas que as faculdades colocaram no mercado todos os anos. Infelizmente não há vaga para todo mundo.

Como a oferta é muito alta, os salários estão péssimos. Um assistente administrativo, por exemplo, está ganhando de R$1300 a R$1500 reais, que com todos os descontos da uma média de R$1100 a R$1300 líquido. Como o aluguel médio é cerca de R$600 reais, como que se vive com um salário desses?

E mais, contando transporte e o tempo dentro da empresa, as pessoas ficam em média de 10 a 12 horas na rua. Um vendedor de brigadeiros que fique todo esse tempo vendendo, com certeza fatura de R$2000 a R$4000 mil mensais de lucro, certamente. Isso sem ter chefe, parando a hora que quiser.

Esses “direitos” dados pela CLT podem ser facilmente conseguidos abrindo uma MEI, e ainda te possibilitará tirar notas e vender para comércios, aumentando ainda mais seu leque de oportunidades.

Espero que cada vez mais as pessoas abandonem essa idéia de CLT e tornem-se trabalhadoras independentes, ganhando mais, tendo mais liberdade e montando as suas próprias aposentadorias, sem depender do governo nem de ninguém.

Somos um país com bons trabalhadores, que podem criar grandes soluções para o mundo, o que precisamos é que os brasileiros se dêem conta disso.

Peço sua ajuda

Considero esse tipo de conteúdo um dos mais importantes do blog, pois motiva as pessoas que estão sem esperança a começarem seus negócios, vendo uma luz no final do túnel.

Então se você puder me ajudar compartilhando esse post nos grupos que você participa, tenho certeza que vai ajudar muitos amigos seus a terem vidas mais felizes, com mais tempo para curtir família, amigos e quem sabe ser a próxima história de sucesso que vamos falar por aqui.

Basta clicar em qualquer um dos botões abaixo! Agradeço muito a força desde já, bora ajudar esse Brasil a se tornar uma grande nação!

Veja como ganhar R$500 reais em 44 dias, trabalhando apenas 10 minutos por dia na internet.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

− 3 = 6